E Zás #64 – Astrobiologia; Budismo online, Bronze e seu “Inverno”

1. A primeira edição de “Astrobiologia – Uma Ciência Emergente” reúne textos de pesquisadores de diversas áreas científicas, abordando desde a origem da vida, as luas de nosso Sistema Solar com possíveis condições de abrigar vida, viagens interestelares e outros temas que animam o dia de um fã de sci fi como eu!

Faça o download do livro aqui.

buda-blog-sobre-budismo

2. Bom, não é lá muito segredo meu interesse um tanto laico e cambaleante pelo Budismo – sobretudo da tradição Theravada. O site “Acesso Ao Insight” tem uma biblioteca FABULOSA – além de podcasts, vídeos etc etc – que nos possibilita ter um contato muito bem orientado e interessante a esta linhagem do Budismo.

No site, vocês podem baixar o livro Meditação – Coração do Budismo, obter acesso aos ensinamentos primordiais de Buda e até entender as 10 qualidades mentais que esta disciplina pode lhe oferecer. Altamente recomendável.

3. O que sei sobre Bronze e seu álbum Inverno tá no release do site que vai abaixo. Não lembro quem indicou (mas agradeço!), mas o som é bacana para meditar:

Inverno, primeiro álbum de Bronze, é introspectivo como sugere o título.

Após passar alguns meses em Paris (2015) e experimentar uma rotina totalmente diferente, fazendo dezenas de apresentações e vivenciando ricas trocas com artistas locais, Bronze confirmou em suas composições o caminho para expressar seu universo cheio de incertezas e interrogações.

Assim nasceu seu primeiro trabalho autoral, totalmente executado, gravado e produzido pelo próprio artista em seu home estúdio. Sua versatilidade como músico há muitos anos vem sendo exercida em outros projetos do qual faz parte. Como guitarrista da banda Besouros Verdez alcançou o público do rock em diversos festivais, chegando a tocar em Singapura após vencerem o Yamaha Brazilian Beat (2012). Atualmente divide o palco também com Bilhão, duo formado por Felipe Vellozo e Gabriel Luz, com quem pôde gravar e acompanhar de perto a produção do álbum homônimo.

Para BronzeInverno ‘surgiu do isolamento e de um olhar para dentro sem interferência do cotidiano’. Escuta-lo é mergulhar em seu mundo íntimo e pessoal, onde a sua alma despida em canções encontra reverberação em outras almas.

Anúncios

Um pensamento sobre “E Zás #64 – Astrobiologia; Budismo online, Bronze e seu “Inverno”

  1. Não sabia do seu endereço pelo budismo. Veja só esse pequeno filme que descobri outro dia sobre o Karma. Um dos conceitos mais complexos.

Os comentários estão desativados.